20/11: Um dia sem Volatilidade para Renda Fixa!

Renda Fixa: Feriado em São Paulo não há mercado, não existe Vol!

Todo dia 20/11 (Consciência Negra) é feriado em São Paulo, logo é feriado para o mercado financeiro brasileiro. Não houve Bolsa, nem tampouco negociação de derivativos de Juros Futuros (DI1) que referendam os Títulos Públicos Pré e IPCA (Tesouro Direto). Logo, dia sem volatilidade na Renda Fixa e Bolsa de Valores.

Mas como ficaram os preços dos títulos públicos federais no dia 20?

“Os títulos públicos obtiveram uma rentabilidade pela taxa de mercado do último dia de negociação, no caso dia 19/11/2018.

Parece uma música boa para os nossos ouvidos, um rendimento previsível, na curva do rendimento, sem volatilidade.

No entanto, lá fora, com o mercado externo funcionando, tivemos uma desvalorização dos ativos brasileiros cotados nas bolsas internacionais.

Podemos tecer a seguinte pergunta: A volatilidade é essencial para o mercado de ativos financeiros?

Claro que sim, não é à toa que os fundos de investimentos são obrigados a marcar a mercado os ativos financeiros.

Volatilidade é um termômetro e funciona que nem a febre – um aumento temporário da temperatura do corpo – que sinaliza que algo está errado com o corpo humano.

Portanto, não podemos reclamar da volatilidade, assim como a febre, ela é necessária, assim como um espelho, ela apenas reflete o mercado.

Se você não gostar da sua imagem no espelho, não o culpe, ele está apenas refletindo.”

Amigo e Gestor de Renda Fixa.

Complemento a contribuição deste meu amigo e professor, demonstrando uma tabela com as Rentabilidades dos Títulos Públicos Federais entre o dia 19 e 20 de novembro de 2018.

Se ficar curioso porque as NTN-Bs (Tesouro IPCA) e NTN-Cs (Tesouro IGP-M) obtiveram rentabilidades abaixo do CDI e negativas, respectivamente, acesse meu artigo sobre VNA para compreender!

Outra coisa interessante a observar é o famoso “Carrego ou Carregamento” positivo que ocorre quando as taxas dos ativos de renda fixa são superiores a uma taxa de curto prazo, no caso em questão, comparamos com o CDI.

Fico por aqui!

Deixe suas críticas, correções, sugestões, dúvidas e também elogios! 

Vá ao final da página e deixe seu comentário!

Forte abraço

Jefferson Figueiredo – CGA®

Receba nossos Artigos assim que forem produzidos!

Preencha abaixo:

Rendimentos do Títulos Públicos Federais entre o dia 19/11 e 20/11/2019

Rentabilidade dos Títulos Públicos no dia 20 de novembro

Sou Gestor de ativos de Renda Fixa há 10 anos. O objetivo do Renda Fixa Prática é ajudar na compreensão sobre ativos de Renda Fixa, dando ênfase nos Títulos Públicos Federais.